Atletas submetidos ao teste da Covid-19

Os atletas, massagistas, treinadores entre outro pessoal envolvido na preparação dos atletas para os Jogos Olímpicos, foram submetidos ao teste de despiste à Covid-19, na sexta-feira 5 de Junho, no Comité Olímpico de Moçambique.

Ao todo foram submetidos ao teste cerca de 50 pessoas provenientes das federações de Boxe, Judo, Natação, Vela e Canoagem, Atletismo e Karate em cumprimento de uma das medidas que vai garantir o regresso dos atletas aos treinos em segurança.

“Está aqui uma equipa do Ministério da Saúde, para testar atletas, treinadores, massagistas, pessoal médico e toda a gente que vai ficar em volta do atleta no processo de treinamento para os Jogos Olímpicos [Tóquio-2020] ou que está na fase de qualificação”, explicou Penalva Cézar, Secretario Geral do Comité Olímpico de Moçambique.

O Secretario Geral, disse ainda que, a testagem dos atletas faz parte de um conjunto de medidas que vão permitir que os atletas que não testar positivo ao Covid-19, iniciem os treinos fora de casa obedecendo as medidas já estabelecidas no protocolo geral (que aguarda ainda pela aprovação do MISAU) e “as medidas específicas de acordo com cada modalidade desportiva, uma vez que as modalidades tem características diferentes”.

Para além da testagem, a brigada da Direcção da Saúde da Cidade de Maputo, integrada por médicos e psicólogos, esteve também a dirigir palestras aos envolvidos, para que se possa passar mais informação inerente ao processo de testagem à Covid-19.

A médica chefe Isabel Menetiane, explicou que os testes realizados, vão revelar “o estado de cada indivíduo antes de voltar aos treinos” e garantiu que todo o atleta que testar negativo poderá voltar aos treinos e “no caso de aparecer alguém com o resultado positivo, será submetido ao isolamento, seja ele domiciliar ou hospitalar dependendo do nível de infecção que tiver”.

Veja Também

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *